30 de janeiro de 2015 - Fonte: Revista Mariee - Fotógrafo: Divulgação

Os noivos, quando começam os preparativos do casamento, não têm obrigação de saber o que está em alta ou não, certo!?

Por isso, na coluna de hoje, a assessora convidada Silvia Baldi listou 20 itens que estão em desuso ou podem ser deselegantes nos casamentos.

É claro que cada casal tem um estilo, não existem regras, assim como na moda, alguns itens vão e voltam de tempos em tempos.

Por isso, a identidade dos noivos deve ser sempre a inspiração da festa. Confira!

1 - Noivos passarem de mesa em mesa, em especial em festas médias e grandes, pode matar sua festa. Procure cumprimentar sim os mais velhos e depois faça da pista e dos lounges um verdadeiro local de encontro.

2 - Fila pra tudo. Já se foi o tempo que os pais cumprimentavam os convidados na entrada da festa e também serviços de aparadores com longas filas. Não há problema algum com serviço à americana, mas com filas sim!  

3 - Presentes na festa também já são coisa do passado. A mesinha de presente então, nem se fala.  

4 - Exageros de qualquer natureza estão em baixa. Exageros na cerimônia, nos decotes, na grinalda, na maquiagem, nos arranjos da igreja, arranjos de mesa de convidado, no convite e até mesmo exageros na bebida.  

5 - Adereços de pista (óculos, plumas, etc) já perderam o frescor da novidade. Muitos convidados na verdade estão tão enjoados, que nem pegam mais esses itens.  

6 - Passar a gravata (ou sapato). A grande preocupação dos anfitriões é que essa antiga tradição pode, eventualmente, constranger seus convidados. Também devem considerar que os convidados já investiram muito para estarem presentes.  

7 - Lembrancinha inútil. Nada de lembrancinhas de encher gaveta. É muito mais interessante terem em sua festa uma foto de cabine ou presentearem com algo para comer no dia seguinte.

8 - Fogos in door (locais fechados). Nem precisamos dizer que é por questão de segurança, certo?! Tudo certo pra dar errado.  

9 - Noivos brindarem cruzando os braços é bem antigo. Não é um costume muito utilizado atualmente, mas, se o casal quiser, por que não?

10 - Jogar pétalas no tapete antes da noiva entrar nem sempre é uma boa ideia. As pétalas mancham o tapete (que pode gerar custo pros noivos) e, pior, as pétalas podem virar uma verdadeira armadilha para alguém cair.

11 - Fotos com padrinhos no altar. Em muitas igrejas já é regra não fazer essas fotos, mas a verdade é que toma muito tempo esses cumprimentos que ficam bem mais interessantes na festa. Apenas os pais e no máximo os pajens e damas no altar.

12 - Atrasos. Para as igrejas é entendido como desrespeito e as cerimônias, nesse caso, são proporcionalmente reduzidas. Na prática, as noivas têm antecipado o horário no convite e no salão onde elas se arrumam. Atrasos são deselegantes em qualquer momento do casamento.

13- Fazer os convidados esperarem os noivos para abrir o jantar. Os convidados devem ter um serviço de buffet contínuo e independente dos noivos, assim garante que sejam mais bem atendidos.

14 - Depoimentos de convidados no filme do casamento nem sempre é uma boa ideia. Já pensou um vídeo do casamento com os amigos bêbados dando depoimento?

15 - A gravata e terno do noivo cheio de detalhes mostram que ele está bem desatualizado com a moda Embora, infelizmente, ainda existam lojas e mídias no antigo modelo.  

16 - Luvas nem pensar! Nem pro motorista do carro da noiva, quem dirá para a noiva.

17 - Penteado da noiva muito exagerado e maquiagem pesada, sem falar no vestido.  

18 - Pistas de dança cercadas por muitas treliças caminham para o desuso mas os efeitos de iluminação vêm com força total

19 - Fazer por fazer, ou, simplesmente, fazer algo porque outros casamentos fazem Tudo tem que ter sentido, um porquê, tem que ter a ver com o estilo dos noivos e a história deles.  

20 - Informar sobre a lista de presentes no próprio convite. O ideal é o casal montar um site dos noivos para essas informações e deixar o convite mais elegante. 

Lembrando que são apenas algumas dicas de quem trabalha com casamentos para nada dar errado, porém, casamento é a realização do desejo do casal e são estes que devem saber o que será melhor para seu grande dia.

Fonte: Revista Mariee