02 de dezembro de 2019 - Fonte: Fundec/Unifadra - Fotógrafo: Assessoria Unifadra/Fundec
Matheus Nascimento, aluno do Anglo-CID, e sua mãe recebendo a premiação do ministro Marcos Pontes
A Olimpíada de 2019 contou com quase 2 milhões de inscritos e premiou apenas 300 estudantes do Brasil com medalha de ouro.

O aluno do 1º ano do ensino médio do Anglo-CID Matheus Henrique Nascimento foi premiado com medalha de ouro na Olimpíada Nacional de Ciências, no dia 28 de novembro, na USP, em São Paulo.

A Olimpíada Nacional de Ciências bateu o recorde em 2019, com quase 2 milhões de estudantes inscritos.

Segundo o relatório oficial da Olimpíada, foram quase 10.000 estudantes premiados com medalhas e menções honrosas, e o aluno Matheus Henrique participou da solenidade oficial que premiou os estudantes medalhistas de ouro na USP, com a presença do ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações Marcos Pontes.

A Olimpíada Nacional de Ciências (ONC) é promovida pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e constitui um programa da Sociedade Brasileira de Física (SBF), Associação Brasileira de Química (ABQ) e Instituto Butantã, responsáveis por sua execução, com o objetivo de despertar interesse para a ciência física, química e biológica. A Olimpíada foi dividida em duas fases: a primeira foi realizada no próprio colégio, sob orientação da professora Ma. Rosana Ramos Socha, e a segunda foi uma prova discursiva em Andradina (SP).

Além da medalha de ouro do Matheus, o Anglo-CID também foi premiado com alunos do 9º ano do ensino fundamental Pedro Cobra (prata) e Fernando Fuzinato (bronze); do 1º ano do ensino médio Ana Clara Nenartavis (prata) e Giulia Lobo (prata) e do 2º ano do ensino médio Guilherme Oliani Neves (bronze).

A professa Rosana Socha destacou que os alunos do Anglo-CID receberão suas medalhas e menções no Colégio e a solenidade desta semana foi apenas para os medalhistas de ouro de todo o país. “A escola está muito contente com todos os resultados, em especial do Matheus, que trouxe essa premiação para Dracena”, completou Rosana.

A solenidade de premiação de ouro foi realizada no no Anfiteatro Camargo Guarnieri, na USP, em São Paulo (SP). A cidade escolhida para esse evento foi São Paulo por ser o estado que teve o maior número de estudantes premiados, conforme determina o regulamento.

O Anglo-CID parabeniza os alunos pelo empenho e dedicação!!!

Carolina Colnago
Assessora de Comunicação da Fundec - Jornalista