25 de março de 2020 - Fonte: Folha Regional - Fotógrafo: Divulgação Folha Regional
Evasões de presos ocorreram no semiaberto
Em menos de três dias, de sábado (21) à segunda-feira (23), o Centro de Progressão Penitenciária – CPP de Pacaembu (sistema semiaberto), registrou 12 fugas de detentos.

Conforme informações obtidas pela reportagem do site e jornal Folha Regional, a primeira fuga teve a evasão de seis detentos e ocorreu no sábado (21).

Já na tarde desta segunda-feira (23), mais um grupo de seis presos fugiu da unidade prisional fazendo com que a Polícia Militar realizasse uma ampla mobilização contando com policiais e viaturas de Pacaembu e região e inclusive o Helicóptero Águia nas buscas que resultaram em quatro detentos recapturados e que foram reinseridos no sistema prisional.

A reportagem da Folha Regional, obteve com exclusividade, a informação de que o motivo pelo qual os detentos estariam se evadindo do semiaberto, estaria relacionado ao medo de contrair o Coronavírus.

Outra informação também obtida de forma extraoficial, revela que outros presos da unidade também planejam fugir nos próximos dias.

Desde o último dia 16, quando o Governo do Estado decretou a suspensão das “saidinhas” e no último final de semana, a proibição temporária de visitas nas penitenciárias após decisão judicial, o sistema prisional da região vive em clima de tensão por parte de detentos e até mesmo funcionários que trabalham nas unidades.

Outro dado importante, diz respeito à superlotação do semiaberto de Pacaembu, onde a capacidade é de 686 presos, porém, está atualmente com 1.850 detentos, segundo contagem realizada nesta segunda-feira (23), 1.164 a mais do que foi projetada.

Nossa reportagem solicitou algumas respostas à Assessoria de Imprensa da Secretaria de Administração Penitenciária através da Coordenadoria Regional de Unidades Prisional da Região Oeste do Estado (Croeste) e aguarda um posicionamento que será anexado ao conteúdo desta matéria.

Fonte: Folha Regional