19 de abril de 2019 - Fonte: Pastoral da Comunicação - Fotógrafo: Luciano Teixeira

As 15h de sexta-feira Santa (18/04), aconteceu na Matriz da paróquia nossa Senhora da Glória de Tupi paulista, a celebração da Paixão de Jesus Cristo, esta celebração é dividida em três partes: a primeira é a leitura da Sagrada Escritura e a oração universal feita por todas as pessoas de todos os tempos; a segunda é a adoração da Santa Cruz e a terceira é a Comunhão Eucarística, juntas formam o memorial da Paixão e Morte de Nosso Senhor.

Memorial não é apenas relembrar ou fazer memória dos fatos, é realmente celebrar agora, buscando fazer presente, atual, tudo aquilo que Deus realizou em outros tempos.


O pároco Padre Valdemar Cardoso, presidiu e celebração e concelebrou com ele o vigário paroquial Padre João de Chico.

A mensagem que ficou da importante celebração da sexta-feira maior é que nossa vida pode se confundir com a cruz de Jesus em muitos momentos, mas diante dela temos a certeza que não estamos sós, que Jesus caminha conosco em nossa via sacra pessoal e, para além da dor, existe a salvação.

Ao beijar a Santa Cruz, podemos ter a plena certeza: Jesus não é simplesmente um mestre de como viver bem esta vida, como muitos se propõem, mas o Deus vivo e operante em nosso meio.

Antonio Luciano Teixeira/ Pascom