24 de junho de 2019 - Fonte: Fundec/Unifadra - Fotógrafo: Divulgação
ESF IV de Tupi Paulista é uma das unidades onde os alunos de Medicina de Dracena atuam
Os alunos do curso de Medicina da Faculdade Unifadra de Dracena já estão em campo com atividades do programa Interação Ensino de Saúde Comunidade (IESC) em ESFs de Tupi Paulista, Dracena, Ouro Verde e Junqueirópolis.

Os estudantes realizam visitas domiciliares aos pacientes cadastrados nas unidades, sob a supervisão de preceptores, com foco na prevenção e promoção em saúde. "Nosso aluno já está vivenciando de maneira real o trabalho no campo, sempre orientado por profissionais que acompanham e monitoram todas as atividades", comentou a coordenadora do curso Profa. Dra. Marilda Morgado de Abreu. 

Os estudantes são acompanhados pelos professores e pelos agentes comunitários de saúde, desenvolvendo habilidades interpessoais que os possibilitam trabalhar em equipe interdisciplinar e multiprofissional, bem como uma reflexão sobre os principais problemas de saúde da comunidade.

Em Tupi Paulista, os alunos do 3º ano estão atuando nas ESFs II e IV, nos bairros Jardim Petrópolis e Vila Camargo. Essas duas unidades de saúde abrangem uma comunidade de cerca de 6.000 pacientes. Os alunos da Unifadra passaram a atuar em Tupi Paulista no primeiro semestre de 2019. “Os alunos já sentem uma grande receptividade dos pacientes e do município com as atividades desenvolvidas”, ressaltou a médica Dra. Marilda de Abreu.

A preceptora Profa. Ma. Caroline Guarinão destacou que já são três turmas de Medicina em campo levando este serviço para a comunidade. “Atendemos centenas de famílias, levando orientações de saúde e auxílios. É uma parceria com unidades de saúde para agregar ainda mais qualidade no atendimento de pacientes”, explicou a Caroline Guarinão.

Guarinão destacou que os acadêmicos, durante as visitas aos pacientes, desenvolvem habilidades interpessoais que os possibilitam trabalhar em equipe interdisciplinar e multiprofissional, bem como uma reflexão sobre os principais problemas de saúde da comunidade, trabalhando para uma formação profissional humanizada. 

Assessoria Fundec